Open Site Navigation
Os consumidores do momento estão online
  • Rodrigo Pongitor

Como e onde anunciar na internet: os dois modos de navegação.

Que atire a primeira pedra quem nunca ficou assustado(a) com a quantidade de possibilidades que a web oferece. São tantos posicionamentos e veículos que dá pra ficar uma eternidade analisando como e onde anunciar na internet.

Se eu fosse listar todas as variáveis que existem para tomar essa decisão, eu te cobraria por isso; mas um segredo que sempre me desempaca em caso de dúvida é este:

Pense no “modo” em que o internauta está.

Sempre tive a impressão de que quando estamos na internet temos dois jeitos de navegar. Ou temos um objetivo claro e estamos buscando por ele, ou estamos, como se diz, navegando; e esses comportamentos distintos são vitais para entender como e onde anunciar na internet.

Essa minha impressão é corroborada por muitos outros especialistas e pesquisadores, até o Yoast fala e constrói sobre isso (Yoast é o plugin de SEO mais utilizado no mundo).

Então vou destrinchar os dois modos que um potencial cliente seu pode estar navegando, e como você pode chamá-lo efetivamente para o seu anúncio e conversão.

O modo teleguiado

No “modo teleguiado” nós temos uma necessidade a ser atendida. Aqui, provavelmente vamos em direção ao primeiro site ou empresa que satisfaça as nossas exigências. Isso vai pautar em detalhes o como e onde anunciar na internet.

Por exemplo, se eu pesquisar “construtora de casas em Salvador”, vou abrir os três ou quatro primeiros resultados que me mostrem exatamente isso. Dentre eles vou escolher um ou outro para entrar em contato. Parece fácil né? Mas olha só essa imagem:


Resultados do Google para a busca “construtora de casas em Salvador”
Resultados do Google para a busca “construtora de casas em Salvador”

O resultado de primeira posição já inclui até um valor. Se estiver dentro da minha expectativa, vou clicar, até porque ele já me diz que posso orçar rapidamente online.

O segundo resultado vai para outro lado; é uma plataforma com diversas construtoras cadastradas e por isso fez um publieditorial para mostrá-las. Vou clicar com certeza, afinal são as 20 melhores com base em avaliações de clientes!

O terceiro é uma segunda tentativa do mesmo site que o primeiro resultado. Se eu tiver achado o primeiro muito caro, talvez este segundo quase igual, e com valor menor, me chame mais a atenção. Talvez o primeiro só exista para eu achar este barato.

O que me interessa de verdade é o último resultado da imagem, e ele é o exemplo do que não fazer.

Perto das outras ofertas que eu recebi, qual chance existe de eu clicar nele? O que me ganharia, pessoalmente, fica quase fora de cena; “premiada 3 vezes como empresa do ano…”.

Eu pedi por alguém que execute um serviço específico em um local específico, e esse resultado está me entregando uma história que não me interessa; e eu nem sei se ela atua em Salvador ou se é somente baiana.

Alternativas a ele que aproveitam muito melhor a posição de destaque seriam “Construtora Construnome | 3 Vezes Premiada a Melhor Empresa do Ano”. Ou ainda “Construtora Construnome | Líder em casas residenciais em Salvador”.

No modo teleguiado ganha quem entregar a melhor oferta, uma que satisfaça exatamente o que foi buscado.

É por isso que muita gente colhe resultados incríveis com páginas no facebook sem marca, mas com nome “Pizza a R$ 10,00”; ou “A Pizza Mais Barata da Cidade”. Parece apelativo, mas funciona porque entrega uma oferta irresistível para o teleguiado justamente no momento de compra.

Isso quer dizer que as suas chamadas precisam ser diretas e enaltecer o seu diferencial competitivo. Não tem a menor necessidade de explicar o que é uma construtora, ou como você constrói. Só é necessário dar um motivo para o navegante se engajar com você.

Esse motivo de engajamento pode ser um prêmio, seu preço ou uma variedade grande de possibilidades. O número de empreendimentos que se tem no portfólio só é valioso quando eu estiver comparando propostas efetivas; ou seja, é argumento decisor e importante sim, mas não entrega o que foi buscado. Portanto não é relevante para quem está teleguiado, mas talvez seja para quem está explorando.

O modo de exploração

Esse aqui é tão simples que passa desapercebido, mas é nele que o cliente compra de você sem perceber.

Daqui algumas semanas você pode precisar dos meus serviços. Então, vai contratar a mim, que conheço e te mostrei um segredo de como e onde anunciar na internet, ou do outro que só diz ser bom no site sem te dar provas? No melhor cenário você nem vai buscar de novo, e só vai voltar direto para cá.

Deixa eu te contar mais um segredo sobre a minha estratégia digital para a REV: atingir o teleguiado com anúncios é bem mais fácil porque ele me chama de propósito.

Minha verba de Google Ads está em palavras de conversão específicas (ou de fundo de funil, se você conhecer a metodologia). Já minha concentração de conteúdo está em você, que por enquanto só está muito curioso sobre como e onde anunciar na internet.

Minha ideia é que você vai ver o meu anúncio quando teleguiadamente pesquisar “agência de marketing digital” no Google.

Isso depois de já ter consumido meu conteúdo, claro. E você vai sim se lembrar de mim, porque estou te entregando valor, e porque você vai usar as minhas dicas..

O modo exploração é o mais frequente, é quando assistimos um vídeo com título chamativo, quando vamos investigar a “mochila que carrega o seu celular” ou o “balanço geral do campeonato de pingue-pongue da Malásia”.


Parte da homepage de um grande portal de notícias do Brasil.
Parte da homepage de um grande portal de notícias do Brasil.

Nessa imagem aqui fica muito claro o que eu quero dizer quando digo “modo exploração”.

Se você está vendo esta seção do site de notícias em questão, você não tem um objetivo definido, e pode muito bem se interessar por esse anúncio.

Este foi segmentado para mim, com base nos meus hábitos. O anunciante sabe que eu me interesso por gestão de empresas. Para você pode aparecer isso também, ou por exemplo “10 erros que todo mundo faz na academia” levando a um site de personal trainer, ou “os benefícios da Yoga no trabalho” escrito por um estúdio de pilates e – surpresa – yoga, e um que fica pertinho da sua casa!

Se for interessante, você quase certamente vai clicar, mesmo sendo visivelmente um anúncio.

Como e onde anunciar na internet para esse navegante já é uma arte mais sutil.

É necessário saber quem ele é, em quais sites navega e por quais assuntos se interessa. Existem sim várias ferramentas para anunciar para o explorador, mas seu sucesso depende de segmentação mais que do veículo.

Até por isso, para decidir o veículo é mais fácil: o teleguiado tem um clique que vale muito então você paga por clique. O explorador, mesmo quando muito bem segmentado, é um tiro no escuro, então você quer quantidade, e paga por visualizações.

Até por isso, para decidir o veículo é mais fácil: o teleguiado tem um clique que vale muito então você paga por clique. O explorador, mesmo quando muito bem segmentado, é um tiro Como e onde anunciar na internet: os dois modos de navegação.no escuro, então você quer quantidade, e paga por visualizações.

Conclusão

Saber como e onde anunciar na internet nunca vai ser tão simples quanto outros meios.

As variáveis são muitas e como quem trabalha com isso há muito tempo posso dizer com segurança: só testes podem te dizer exatamente qual o melhor lugar pra fazer isso.

A coisa é que até pra testar tem jeito certo, então esse fica para uma publicação futura, combinado?

0 comentário

TODO O CONTEÚDO 
NO CONFORTO

DO SEU E-MAIL.

Na correria do dia a dia esquecemos de conferir o que tem de novo por aí, que tal receber no seu e-mail todas as novidades que saírem aqui no blog?